Cometi um erro, e agora?

erro-2-690x433

No mundo da pressão, a situação mais fácil de ocorrer são os erros e por isso pedir desculpas é uma atividade frequente.

Pedir desculpas, como muitos pensam não é sinal de fraqueza, é sinal de responsabilidade, sinal de que o profissional é capaz de assumir os seus erros. Saber comunicar um erro ou falha, dá mais credibilidade do que deixar passar.

 

Pedir desculpas é necessário para encerrar uma situação de conflito, pois admitindo a falha o profissional conquista a confiança e parte para a etapa seguinte.

 

Outro pedido de desculpas benéfico é o pedido de desculpas do hotel para clientes, essa é uma situação em que o hotel admite seu erro, pede desculpas e até oferece uma vantagem a mais para esses clientes, criando um círculo de credibilidade.

 

Peça desculpas, mas não se explique: ao pedir desculpas exponha a infelicidade do erro e a vontade de não cometê-los no futuro, mas nunca tente explicar um erro, mesmo que não tenha sido diretamente um erro do profissional, mostre que não precisa ficar se explicando e está pronto para “outra”.

 

Encare os erros como uma oportunidade de feedback: ao se desculpar, escute o que o outro lado tem a dizer e aceite as críticas, como um segundo passo do pedido de desculpas, um gesto honesto pode criar outro gesto honesto.

 

Peça desculpa de forma pessoal: só utilize a tecnologia para se desculpar se não houver uma maneira de se desculpar pessoalmente, e por último as desculpas pelo telefone, atualmente o pedido por telefone é mal visto do que o pedido por e-mail, já que o e-mail funciona como a correspondência pessoal, uma carta escrita á mãos também pode ser uma boa opção.

 

Tente resolver o conflito: no momento de pedir desculpas tenha uma solução em mente para o problema, quando expuser as idéias pergunte sobre a concordância da outra parte.

 

Assuma o erro: mesmo que o erro cometido não seja responsabilidade apenas do profissional, será nobre pedir desculpas apenas pelo erro individual, sem mencionar nomes, o que pode gerar conflitos e falta de entendimento.

 

Não perca tempo: não perca tanto tempo tentando uma maneira viável de se desculpar, pense em uma solução viável que pode ser apresentada para solucionar o problema e como as mudanças benéficas já ocorreram, mostre que o erro é apenas um equivoco e que você é um profissional proativo.

 

Encerre o assunto: pedir desculpas pode ser constrangedor, por isso, encerre o assunto após o pedido e não retome o fato, mesmo que o pedido não seja bem aceito, o fato de ter pedido desculpas sinaliza que a responsabilidade a que lhe cabe foi cumprida.